Como escolher sua Faculdade

Imagem de girl, 70s, and friends

Existem dois tipos de pessoas nesse mundo quando se trata de escolher faculdade, as que já sabem o que querem fazer e as que se sentem insegura. Eu sou do time das inseguras. Assumo que até depois de ter escolhido fico com um pé atras mas creio que essa sensação aconteça com todos. Eu espero, pois não quero me sentir uma estranha tentando dar conselhos. 
A fase de transição mais difícil desses dezoito anos que estou no mundo provavelmente foi andar e escolher que curso fazer. Algumas pessoas fazem parecer fácil, mas você está decidindo o seu futuro e não tem nada de 'fácil' nisso.
Meu pai é uma das melhores pessoas que eu conheço nesse mundo para ajudar a decidir algo. Ele nem está lendo isso então não é puxa saquismo! É só que ele tem esse dom de te ajudar a facilitar as coisas, e quero tentar trazer isso para vocês. Eu não vou decidir o que você deve ou não escolher ou de que maneira fazer, apenas vou tentar lhe auxiliar e vai de você levar em conta o que eu falei ou não. 
São passos simples, mas que as vezes podem lhe esclarecer ou mostrar coisas que você nem havia pensando. Vamos lá?

(1)  A ESCOLA

Imagem de pale, vintage, and hipster

Não importa se você ainda está na escola ou já terminou. Nesse exato momento você irá pegar uma folha ou qualquer lugar que dê para escrever e irá listar quais eram/são suas materiais favoritas na escola, não as que você tinha/tem facilidade as que vocês gostava/gosta. 
Eu amava/amo matemática mas nunca passei direto nessa mateira. Quem se importa? Se gosta, vai pra lista. 
Nesse momento você irá analisar quais você tem mais afinidade, digamos assim. Não importa se você era a melhor ou a pior da turma. Quando gostamos de algo, aprender é o de menos, acreditem! Eu sou péssima em Física e Matemática me formei em Eletrotécnica que usa muito de ambos e vou fazer Administração que tem muito cálculo, e quem irá me julgar por fazer algo que gosto? 

(2) HABILIDADES 

Imagem de beach, boots, and jeans

Nessa etapa você irá citar em tudo que você é boa. Se não souber pergunte para sua mãe, sua vizinha, sua melhor amiga, namorado, inimiga, vó, vô, tio, cachorro. 
Vale citar escrita, números, corrida, comer.
Eu sou a que mais fala na minha sala. Ótimo, você é comunicativa isso conta também. 
Você precisa analisar esta parte com cuidado, pois é aqui que você irá ver onde estão seus pontos forte e fracos, que caminho pode ser mais fácil a percorrer, ou que habilidade pode lhe ajudar. 
Depois você pode seguir a lógica. Eu gosto de matemática e minha facilidade é números procure faculdades haver com isso. ou Eu gosto de geografia, sou péssima com mapas mas tenho boa memoria. Então é só questão de se dedicar. 
Ligue os pontos ao decorrer de todo processo, ou deixe pro final porque ainda não acabou.


(3) QUE CURSOS LHE CHAMAM ATENÇÃO?

Imagem de art, girl, and indie

Quando alguém fala de faculdade que curso vem sua mente? Ou quando alguém cita a faculdade que fez você sente aquele "eu gostaria de fazer isso". 
Faça uma lista de todos os cursos que você gosta não importa se a ordem for Direito. Gastronomia. Educação Física. Medicina 
Elas não precisam fazer sentidos, não pesquise nada sobre nenhuma delas, apenas cite as que você acha interessante primeiro. Depois de ter feito a sua lista, ai sim procure onde tem, quais são as melhores faculdades, do que tratam, campos de atuação também são interessante de se procurar.
Nesse momento você irá ver o que realmente lhe desperta atenção. Consulte a grade de aula e separe as faculdades que você admira e as que você realmente quer levar pra sua vida.
Eu queria muito ser médica, mas morro de medo de sangue e ferimentos. Então acaba ficando na lista do que admiro. 

(4) "MAS DEPOIS DE ME FORMAR VOU GANHAR BEM"

Imagem de money, pink, and dollar

Hipocrisia minha se eu disse que dinheiro não é bom. Mas trabalhar por ele é ruim sim. 
Se você está escolhendo Medina, Direito entre outro curso por questão monetária. PARE. 
Você vai ser um péssimo profissional se trabalhar em algo pelo simples salário.
Imagine passar o resto da sua vida acordando para ir a um lugar que você não gosta, com pessoa que você também não tem afinidade, falando de um serviço que você nem se quer queria estar fazendo se não fosse por aquele dinheiro todo fim do mês em seu bolso e tendo que se auto consolar com "mas meu salário é bom".
Meu pai me falou uma coisa que eu sempre carrego comigo "Quando você faz algo que gosta e se dedica para aquilo você se torna um bom profissional e o dinheiro vem sozinho". Mas saiba a diferença de ver essa frase. Você pode ser um ótimo cantor, mas ficar cantarolando no chuveiro esperando alguém ouvir, esperando alguém lhe 'achar' também não adianta. 
Para conseguir as coisas é preciso soar, é preciso achar seu lugar no mercado independente da escolha. Então não é melhor passar por todos esses obstáculos com o objetivo de chegar no topo fazendo algo que ama?


(5) CONVERSE

Imagem de grunge, pale, and funny

Conversar pode facilitar muito, mas sempre procure falar com alguém que sempre quis a faculdade que está cursando ou escolheu sozinho. Pois, se você ir falar com aquela sua amiga que faz Odontologia porque o pai era Dentista, então ela tinha que ser também, não adianta, porque se ela queria fazer Oceanografia, Odonto com certeza é a pior faculdade do mundo para ela. 
Converse com um profissional da área, se comunique. Você não irá receber um sina de  "A grande escolha" mas isso lhe facilita a ter visões do curso. 




Talvez esses passos não vão lhe dar a resposta de cara, mas é um modo de ao menos facilitar da lista de dez curso sobrarem ao menos três. Analise os detalhes com cuidando. Em que faculdade tem o curso que deseja? É pago? Onde posso trabalhar? 
Essas perguntas vão lhe ajudando a diminuir a sua lista.
Eu fiz isso e funcionou.
Espero que eu tenha ajudado vocês ou ao menos dado uma luz.
Já estão cursando faculdade qual? Vão começar esse ano, ano que vem? Se você já se formou, era realmente isso que queria? Alguma dica?

Beijos J.D




Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Esse ano de 2016 termino meu ensino médio, gostei da forma que vc explicou tudo, eu sou dessas que não sei ainda no que me formar. Antes eu pensava em fazer um curso de técnico em enfermagem e trabalhar e tentando no enem mas mudei de ideia sobre o curso acho que esse area de tecnico é muito puxada, e eu não teria tempo pra quase nada. Agora vou escolher outro que não sobrecarrega tanto.
    Bejoz.

    http://sempremorenaantenada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Esse ano vou termino o ensino médio e tenho que escolher o que eu vou fazer, e eu não tenho a minima ideia nem de por onde começar, sempre fui boa na escola, nunca repeti/peguei exame nadinha, porem também não gostava de nenhuma matéria da escola e nunca fui do tipo que teve alguém me apoiando pra saber o que eu quero. Vai ser uma escolha um tanto quanto difícil.



    descompreendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá! Sou apaixonada pelo curso de medicina, já pesquisei bastante sobre ele e tenho muita afinidade com os assuntos, saber o que quero fazer é um alívio, mas ainda sim acho que somos tão novos para decidir uma profissão para o resto da vida. Por isso pretendo fazer mais de um curso, minha mãe por exemplo é formada em direito, engenharia civil e informática e ela é uma das pessoas mais felizes com sua carreira que conheço.

    http://whoisllara.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, ameeeeei o design do seu blog, e seu post foi super interessante ♥ já conhece o blogueira que inspira ?

    www.blogueiraqueinspira.blogspot.com.br

    Se me segui, sigo de volta ♥ Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Eu estou no 2º ano do ensino médio e foi esse ano que resolvi o que quero fazer. Por isso, estou me desvirando inteira pra tentar passar, porque não é fácil não... Essa semana eu fiz um post falando sobre como vou ter que me desligar um pouco do blog pra poder focar nisso. Acho importante a decisão ser feita o mais rápido possível, mas sem pressão, para que não falte tempo pra se preparar depois.

    Beijos,
    www.meianoiteequinze.com.br

    ResponderExcluir
  6. Que texto maravilhooooso! Me deparei com todas essas questões assim que terminei meu terceiro ano, minha mãe que me guiou e me auxiliou, ´pois eu nem sabia o que queria da vida. Hoje curso uma faculdade que se tornou minha paixão, por conta disso trabalho na área e ganho super bem, mas porque veio de algo que eu fiz bem feito, com amor e o dinheiro veio naturalmente. Ainda há muito por vir, mas o pedacinho que eu já percorri me fez ver que tudo que nossos pais falam é verdade, são nossos melhores coachings <3 parabéns realmente pelo texto!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir